segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Chicão trai oposição e abraça Alvino

O bloco de oposição da Câmara de Tapiraí que manteve cinco vereadores do municipio unidos por dois anos - formando a maioria simples da Casa, que tem nove cadeiras - não existe mais.

Na última sexta-feira Teodoro Bento, o Chicão, abandonou um dos seus principais aliados políticos, o vereador Araldo Todesco, para votar com o prefeito Alvino Marzeusk (PSDB).

Com o voto de Chicão, Márcio Manzani, aliado do prefeito, assumiu a presidência da Câmara de Tapiraí por 5 a votos a 4. Manzani venceu Braz, o candidato da oposição.


"Infelizmente a política é assim. Uns pensam em grupo, outros pensam só no umbigo", dz o professor Alcemir.

A traição de Chicão criou um bate-boca na Câmara e deixou Todesco chateado. Ambos estavam juntos politicamente havia anos.

Ainda este ano, Alvino deverá enviar à Câmara proposta de veto a uma emenda parlamentar que restringe o remanajamento de verba do prefeito de 10% para 3% do orçamento do ano que vem.

Chicão, na ocasião, votou com a oposição.

"Vamos ver qual será o comportamento do parlamentar nos próximos dias. Vamos ver se ele começa traindo o prefeito, mantendo a emenda que ele aprovou recentemente, ou se ele vai trair a si próprio".

4 comentários:

humberto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
humberto disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
vereador Alcemir disse...

Gostaria de agradecer e parabenizar o senhor Humberto José Esturba pela sua brilhante manifestação, mas é bom lembrar que em nenhum momento o nome do senhor foi citado no texto

POVO disse...

O Alcemir queria eleger o BRAZ para presidente da camara, nas vezes em que visitei a nossa casa (camara é a casa do povo) nunca vi o Braz sequer falar alguma coisa, só concordar com o Todesco, Laranja Braz esse não deu Certo Alcemir, Valeu Chicão.... viu Alcemir vc se entitula oposiçao, e o Todesco no jornal diz que é situação, e agora o povo quer saber EM QUEM ACREDITAR?