segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Decreto reduz intervalo de almoço e prejudica servidores

Um decreto assinado pelo prefeito de Tapiraí reduz em meia hora o intervalo de almoço de dezenas de servidores públicos do Município.

Desde a manhã desta segunda-feira os trabalhadores deixaram de entrar às 7h, como antes, para começar o trabalho as 7h30min. Para compensar o atraso, o intervalo do almoço foi reduzido de uma hora e meia para uma hora.

Na garagem, onde trabalham mais de 60 servidores, por exemplo, o descontetamento é geral. Como a maioria mora longe e vai almoçar a pé ou de bicicleta, eles reclamam de que uma hora é pouco tempo par ir, almoçar e voltar ao trabalho.

COBRANÇA

Como vereador, apresentei na sessão da última sexta-feira um requerimento, pelo qual cobro explicações da Prefeitura pela mudança.

O requerimento está fundamentado na Constituição Federal, atigo 10 dos direitos sociais, que diz: "é assegurada a participação dos trabalhadores e empregados nos colegiados dos órgãos públicos em que seus interesses profissionais sejam objetos de discusão e deliberação".

"Como a mudança foi por decreto, sem que os trabalhadores opinassem, queremos saber porque o prefeito tomou essa atitude, sem dialogor com os servidores, já que tal medida prejudica a vida de muita gente".

Professor ALCEMIR
VEREADOR

Um comentário:

Bruno Machado disse...

Fala, Alcemir. Bruno Machado aqui. Estou te add...dâ uma olhada no meu blog também!